Sindicato de Órgãos Públicos ameaça com greve de três dias
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Mamasamba Balde

Agosto 29, 2022

Agosto 29, 2022

O Sindicato Nacional  dos Profissionais dos Órgãos Públicos da Comunicação Social (SINPOPUCS) ameaçou iniciar uma greve de três dias úteis à partir do dia 01 de Setembro próximo, se o Governo não satisfazer as reivindicações alistada no pré-aviso de greve entregue no Ministerio da Comunicação Social no passado dia 26 de Agosto.

O sindicato exige  a conclusão do processo, em curso, de efetivação de jornalistas e técnicos dos órgãos públicos,  o pagamento  de, pelo menos, cinco dos 22 meses de  subsídios em dívida para com os referidos jornalistas e técnicos,  o seguimento do Estatuto Remuneratório dos profissionais dos órgãos públicos da Comunicação Social, cuja elaboração e posterior submissão à aprovação do Governo se encontra ao cargo de uma comissão adhoc criada para o efeito, e por último, este sindicato exige esclarecimentos, por parte do Ministério das Finanças sobre os fundos da taxa Audiovisual, criada pelo Governo e destinada ao apoio aos órgão de Comunicação Social.

O SINPOPUCS declara no comunicado que está disponível para  um “diálogo franco, aberto e realista” com a entidade patronal (Governo), desde que, esse diálogo  conduza à solução dos problemas elencados no caderno reivindicativo.

O Pré-aviso de greve foi entregue numa altura em que o Despacho de Nomeação já fora publicado no Boletim Oficial, e em que processo de efetivação se encontra no Tribunal de Contas, para efeitos de análise das conformidades  legais, após o qual segue para o Ministério da Administração Pública, Trabalho, Emprego e Segurança Social(MAPTESS).

Segundo a ANG, disse que alguns processos já se encontram  no MAPTESS, última fase de efetivação.

São quatros os õrgãos de comunicação social públicos abrangidos: a Agência de Notícias da Guiné (ANG),o Jornal Nô Pintcha, a Rádio difusão Nacional (RDN) e a Televisão da Guiné-Bissau (TGB).

//RTB_ANG

Artigos relacionados

Nova Iorque: CEDEAO decide impor sanções contra a Guiné Conakry

Nova Iorque: CEDEAO decide impor sanções contra a Guiné Conakry

Reunidos em cimeira extraordinária esta quinta-feira, 22 de setembro de 2022, em Nova Iorque, à margem da Assembleia Geral das Nações Unidas, os Chefes de Estado da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), decidiram impor sanções adicionais...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE