Rússia e Turquia Planejam Fornecer um Milhão de Toneladas de Cereais a Países Necessitados
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Geraldo C

Setembro 6, 2023

Setembro 6, 2023

A Rússia e a Turquia estão prestes a iniciar a análise dos aspetos técnicos do fornecimento de um “milhão de toneladas de cereais a Ancara”, com o intuito de posteriormente enviá-los para os países mais necessitados, de acordo com o anúncio feito esta quarta-feira 06 de setembro de 2023, pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros de Moscovo.

O vice-ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Alexander Grushko, indicou que Moscovo tem a expectativa de começar em breve os contatos com todas as partes envolvidas, ou seja, Turquia e Qatar, para analisar todos os detalhes técnicos destes fornecimentos.

Segundo Grushko, todos os acordos já foram alcançados nesse sentido.

Após a cimeira desta semana entre o Presidente russo e o homólogo turco “Recep Tayyip Erdogan, Vladimir Putin” propôs disponibilizar um milhão de toneladas de cereal russo a preços acessíveis para processamento na Turquia e transporte gratuito em direção aos países mais carenciados.

Moscovo e Ancara contarão com o apoio financeiro do Qatar para impulsionar esta iniciativa, como revelou Putin na ocasião.

Erdogan confirmou ter chegado a acordo com o homólogo russo para transformar os cereais russos em farinha e efetuar o seu transporte para os países em desenvolvimento.

Putin esclareceu ainda que esta proposta não tem a intenção de sobrepor-se à iniciativa do “Mar Negro” para a exportação de cereais, da qual Moscovo se retirou em meados de julho, mas sim de contribuir significativamente para a resolução dos problemas alimentares dos países africanos.

Após conversações com Recep Tayyip Erdogan em Sochi, o Presidente russo rejeitou na segunda-feira a assinatura de um novo acordo para o transporte de cereais através do Mar Negro enquanto o Ocidente não cumprir as exigências de Moscovo.

Erdogan, juntamente com a ONU, mediou o acordo original conhecido como a Iniciativa do Mar Negro, assinado no verão de 2022 em Istambul, que permitiu à Ucrânia exportar os seus cereais com segurança. No entanto, Moscovo abandonou unilateralmente o protocolo em julho.

De acordo com a imprensa de Ancara, o Presidente turco esperava no encontro de Sochi “convencer” o Presidente russo a retomar os acordos.

Na abertura daquela que foi o primeiro encontro entre os dois líderes desde outubro do ano passado, Erdogan havia prometido fazer um “anúncio muito importante” sobre as exportações de cereais.

Erdogan afirmou que a Ucrânia deve “suavizar a sua posição” em relação à Iniciativa dos Cereais do Mar Negro e “tomar medidas em conjunto com a Rússia” para que o acordo funcione.

O líder turco insistiu que isso deve ser feito rapidamente para que os cereais possam chegar aos países mais pobres de África.

“Se 40% destes cereais forem enviados para países europeus, é claro que a Rússia não vê isto como algo positivo, e com razão”, acrescentou.

//RTB/Lusa

Artigos relacionados

JOVENS DA GUINÉ -BISSAU QUE DESAPARECERAM DE ESTÁGIO JÁ APARECERAM Os rapazes estavam em Portugal por conta da participação no Torneio Luso Cup e...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE