Região de Gabú: Descarga elétrica causa a morte de 7 jovens.
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Geraldo C

Julho 11, 2023

Julho 11, 2023

Região de Gabú, na localidade de Boé, a descarga elétrica resultou na morte de 7 pessoas na aldeia Boró vizinha, da Guiné-Conacri.

Contactado pela Rádio TV Bantaba, o Comandante de Proteção Civil e Bombeiros de Gabú, Mamadu Aliu Djalo, afirmou que a tragédia ocorreu durante a cerimônia de um casamento na localidade de Boró. Na tentativa de conectar um telefone via Bluetooth ao dispositivo de som, ocorreu uma descarga elétrica que resultou na morte de sete pessoas e deixou outras 12 feridas, sendo duas delas em estado grave.

O responsável pelos bombeiros relatou que, após ser contactado pelo Administrador local, enviou uma equipe para a área afetada.

“Após o contato com o Administrador, liguei para o delegado da proteção civil da área, que, ao chegar, encontrou alguns elementos da guarda nacional, polícia de ordem pública e algumas autoridades da Guiné-Conacri que estavam presentes. A menina que estava indo para o casamento era do país vizinho”, disse Mamadu Aliu.

Segundo as informações, a maioria dos feridos foram levadas para postos de saúde do país vizinho, devido às condições de travessia. No entanto, os dois casos graves foram levados para tratamento tradicional em uma aldeia próxima, antes da chegada das autoridades.

Das vítimas fatais, “quatro” são da Guiné-Conacri e “três” são da Guiné-Bissau, em decorrência da descarga elétrica que ocorreu no último domingo na localidade de Boró, na fronteira entre Guiné-Bissau e Guiné-Conacri, no setor de Boé.
As autoridades centrais, em especial o Ministério do Interior, já estão cientes do caso, conforme relatado pelo comandante de proteção civil e bombeiro de Gabú.

De acordo com informações apuradas pela RTB, este é o terceiro incidente relacionado a descargas elétricas durante esta temporada de chuvas. Há duas semanas, uma mulher foi atingida por uma descarga elétrica, deixando um bebê de um ano. Três semanas antes disso, a mesma situação ocorreu e vitimou três crianças, sendo que duas delas faleceram e uma foi salva graças ao atendimento médico. Os dois primeiros casos ocorreram nas margens do rio Fefine, na vizinha Guiné-Conacri.

Vale ressaltar que o setor de Boé encontra-se isolado desde o afundamento da Jangada que faz a ligação de Tchetche ao continente, o que dificulta a travessia de veículos e coloca em risco a situação sanitária e de catástrofes.

//RTB



Artigos relacionados

Armando Lona detido pela polícia.


Armando Lona detido pela polícia.

O  Coordenador da Frente Popular, Armando Lona, está detido pelas forças de ordem, na sequência da manifestação pacífica deste sábado, 18, em Bissau. Também, para além da Presidente da Associação Juvenil para Promoção e Defesa dos direitos humanos, a CFM soube da...

Gibril Bodjam detido em Gabú

Gibril Bodjam detido em Gabú

Ativista Social Gibril Bodjam detido esta manhã pela Policia de Ordem Pública de Gabú durante conferência de  imprensa na sequência da marcha convocada pela Frente Popupalar em todo o país. A polícia impediu a continuidade da conferência de imprensa da Frente Popular...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE