Manifestações Interrompidas: Protestos e Dispersões na Capital de Bissau
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Geraldo C

Janeiro 8, 2024

Janeiro 8, 2024

As forças de segurança impediram, esta segunda-feira, a realização de uma manifestação da coligação PAI-Terra Ranka, que continua a contestar a dissolução da Assembleia Nacional Popular.

Depois de terem sido dispersos em algumas ruas da capital de Bissau, os manifestantes dirigiram-se à sede do escritório das Nações Unidas para expressar o seu descontentamento em relação à situação política atual do país. Isso resultou na intervenção rápida da polícia de intervenção PIR, que dispersou os manifestantes com gás lacrimogéneo.

Dan Iala, deputado da coligação PAI-Terra Ranka, afirmou que não desistirão e que a luta continuará para denunciar a situação em que o país mergulhou há mais de um mês, desde que o presidente dissolveu o parlamento e nomeou um governo por sua própria iniciativa.

Saímos de forma ordeira para nos manifestarmos, informamos as entidades responsáveis, como a câmara municipal de Bissau e o ministério do interior, entidades que, segundo os organizadores da manifestação, não receberam informação. Não nos permitiram manifestar, então dirigimo-nos às Nações Unidas, mas foi lá mesmo que fomos alvo do lançamento de gás”, explicou Dan Iala.

A Coligação PAI-Terra Ranka exige do presidente da república Umaro Sissoco Embaló a reposição do parlamento e do governo resultante das eleições legislativas de 4 de junho de 2023.

Entretanto, um grupo de jovens do Bairro de Chão de Papel incendiou pneus nesta segunda-feira (8), no mesmo bairro, em protesto contra a situação política vigente no país. Os jovens manifestantes foram dispersos pelas forças policiais, que dispararam granadas de gás lacrimogéneo atingindo algumas residências circundantes e pessoas que circulavam nos transportes públicos.

Os jovens proferiram declarações como “estamos a reivindicar os nossos direitos”, “queremos educação”, “mesmo com o gás lacrimogéneo, vamos exigir os nossos direitos” e “o papel da polícia é defender a população, não a reprimir”.

A marcha organizada pela Coligação PAI-Terra Ranka, que deveria ter começado na Chapa de Bissau por volta das 07 horas da manhã, seguindo pela Avenida Combatentes da Liberdade da Pátria até ao Palácio da República, foi impedida pelas forças de segurança, que posicionaram agentes em todas as vias da capital de Bissau.

//RTB/ANG

Artigos relacionados

Bamba Banjai detido na segunda Esquadra de Bissau

Bamba Banjai detido na segunda Esquadra de Bissau

O deputado da Nação e dirigente do Movimento para Alternância Democrática MADEM-G15, Bamba Banjai, foi detido esta terça-feira (27.02), após ser ouvido durante cinco horas, na Segunda Esquadra de Bissau. Fonte: cFm

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE