Greve no setor da saúde com adesão de 85%
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Redação

Março 6, 2023

Março 6, 2023

Na Guiné-Bissau, a greve geral de cinco dias iniciada pelos sindicatos de saúde e educação teve uma adesão de 85%, segundo Yoyo João Correia, porta-voz da Frente Social, que reúne quatro sindicatos.

Os sindicatos estão a exigir o cumprimento de acordos assinados com o governo em novembro passado, incluindo o pagamento de subsídios de vela, de giz e de isolamento aos profissionais dos dois setores.

Além disso, reclamam uma solução para a medida decretada pelo executivo em 2022 de estancar a entrada de novos funcionários nos setores da saúde e da educação, o que tem afetado o funcionamento de centros de saúde e escolas.

Os sindicatos também exigem que o governo adote medidas que acabem com as “nomeações políticas” e uniformize o currículo escolar e os protocolos médicos.

A Frente Social lamenta que não tenha sido contactada pelo governo desde novembro, apesar de ter entregado o caderno reivindicativo em janeiro e anunciado a greve em fevereiro.

O Simão Mendes, principal hospital do país, afirmou que a greve não é sentida naquela unidade, onde os serviços funcionam normalmente.

RTB/Lusa

Artigos relacionados

Marrocos prepara-se para organizar o CAN Futsal 2024

Marrocos prepara-se para organizar o CAN Futsal 2024

Marrocos, país anfitrião privilegiado do futebol africano, prepara-se para organizar o CAN Futsal 2024, de 11 a 21 de abril. Esta nova competição continental promete ser uma nova coroação para o Reino, que continua a confirmar a sua liderança no domínio desportivo e o...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE