Dia Mundial da Saúde celebrada  sob fortes ameaças à saúde humana”, diz SG do Ministério de Saúde
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Tidjane Cande

Abril 7, 2022

Abril 7, 2022

O Secretário-geral do Ministério de Saúde advertiu hoje sobre a necessidade de se ter em conta que o Dia Mundial da Saúde, que hoje se assinala, está a ser  celebrada sob  fortes ameaças à saúde humana, não pelas doenças patentes  mas também devido às alterações climáticas.

Cletche Na Isna discursava na cerimónia comemorativa do Dia Mundial de Saúde, que se assinala esta quinta-feira em todo o planeta.

O Secretário-geral do Ministério de saúde, disse que, na Guiné-Bissau além dos problemas da Covid-19, Paludismo, Tuberculose, VIH/Sida etc, que por sí só constituem grandes preocupações no Sistema Nacional de Saúde, o país é agora abalado, de novo,pelo surto de Poliomeliete, de que a Guiné-Bissau já havia se livrado.

Cletche Na Isna disse que é imperativo a consciêncialização da sociedade guineense para a pratica de actos qiue visem a promoção  de uma planeta saudável e sobretudo a prmoção do bem estar social.

“Nesta ordem de ideias, deixo  apelos no sentido de enveredarmos esforços para os melhores cuidados do meio ambiente e  promoção de uma alimentação variada e equilibrada”, acrescentou.

O Dia Mundial de Saúde foi  instituída pela Organização Mundial de Saúde, e em todos os anos é celebrada no dia 7 de Abril, e este ano as celebrações decorrem sob o lema: “Nosso Planeta, Nossa Saúde”.

Segundo a  representante interina da OMS no país, Mie Okamura,  a data tem como objectivo chamar a atenção para as prioridades específicas ligadas à saúde global.

Okamura sublinhou  que a data assinala igualmente a criação da OMS na sua primeira Assembleia Mundial da Saúde, em 1948.

“O tema deste ano, “Nosso Planeta,  Nossa Saúde”, serve como uma chamada de atenção oportuna sobre a ligação entre o planeta e a nossa saúde, a medida que o fardo das doenças, transmissíveis e  não transmissíveis, aumentam em paralelo com os crescentes desafios relacionados com as alterações climáticas”, disse Mie Okamura.

//RTB – ANG

Artigos relacionados

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes NABIAM foi reeleito este domingo, como novo presidente da Assembleia do Povo Unido — Partido Democrático da Guiné-Bissau (APU-PDGB), com 944 votos que correspondem a 95 por cento, para mais um mandato de quatro anos.O segundo mais votado, Agostinho Sanhá,...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.