Bissau: Coreia do Sul está desponivel para apoiar a Guiné-Bissau na produção de arroz.
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Geraldo C

Junho 30, 2023

Junho 30, 2023

O ministro da Agricultura da Coreia do Sul, Chung Hwang-Keun, disse quinta-feira em Bissau que o seu país está disponível para apoiar a produção do arroz na Guiné-Bissau e a construção de infraestruturas agrícolas.

O ministro sul-coreano, que também tutela as pastas da Alimentação e Assuntos Rurais, falava após um encontro com o Presidente guineense, Umaro Sissoco Embaló, no âmbito de uma visita de trabalho para reforçar os laços de cooperação entre os dois países.

“Estamos a celebrar os 40 anos da nossa relação diplomática entre a Coreia do Sul e a Guiné-Bissau. É verdade que até aqui não temos tido muitas trocas, mas esperamos que possamos mudar isso não só no domínio da agricultura, mas também cooperar em vários outros aspetos”, observou Chhung Hwang-Keun.

O governante sul-coreano disse que o seu país está disponível para “transmitir todos os conhecimentos para produção de arroz”, base da dieta alimentar dos guineenses, mas sempre deficitário no país.

Dados do Governo guineense apontam que o país produz cerca de 110 mil toneladas do arroz anualmente, mas para suprir toda a necessidade da população recorre à importação de cerca de 90 mil toneladas.

O ministro da Agricultura da Coreia do Sul, que falava aos jornalistas à saída da audiência no Palácio da Presidência, em Bissau, indicou que o seu país também poderá ajudar a Guiné-Bissau na construção de infraestruturas agrícolas.

“A Coreia do Sul, em período não muito longo, era um dos países mais pobres e afetado pela fome, que contava muito com apoio exterior, mas atualmente a Coreia do Sul é autossuficiente na produção de arroz e até dá apoios aos países em vias de desenvolvimento”, observou.

O governante sul-coreano adiantou ter debatido com o chefe de Estado guineense a possibilidade de o país africano integrar uma iniciativa lançada pelo seu Governo para a produção conjunta de alimentos e a necessidade de os dois países terem representações diplomáticas em Seul e em Bissau, respetivamente.

//RTB/Lusa

Artigos relacionados

Deputado Bamba Banjai notificado pelo DIPIC

Deputado Bamba Banjai notificado pelo DIPIC

O Departamento de Informação Policial e Investigação Criminal da Polícia de Ordem Pública, manda notificar com urgência o Deputado da Nação Bamba...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE