CAN 2023: A Guiné-Bissau ausenta no sorteio
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Tidjane Cande

Abril 18, 2022

Abril 18, 2022

A seleção principal de futebol da Guiné-Bissau vai conhecer os adversários e o seu grupo de qualificação ao Campeonato Africano das Nações (CAN’2023) na terça-feira, 19 de abril de 2022, durante o sorteio a ser realizado na África do Sul.

A informação foi consultada hoje pela secção desportiva do Jornal O Democrata, no sítio electrónico da Confederação Africana de Futebol (CAF).

A cerimónia vai ser conduzida pelo diretor de competições da CAF, Samson Adamu, coadjuvado pelo antigo defesa central sul-africano, Lucas Radebe, 53 anos, e o ex-avançado ivoiriense Salomon Kalou (36).

O Democrata soube de uma fonte junto da Federação de Futebol da Guiné-Bissau (FFGB), que o país não se fará representar no sorteio que será realizada nos estúdios da SuperSport, na cidade de Joanesburgo, África do Sul, embora tivesse recebido o convite da CAF para o efeito.

Os “Djurtus”, como é conhecido a seleção de futebol da Guiné-Bissau esteve presente nos três últimos CAN, Gabão 2017, Egito 2019 e Camarões 2021, onde nunca conseguiu apurar-se para segunda fase da competição, vai novamente tentar garantir um lugar para a fase final do próximo CAN.

Das 48 seleções, a Guiné-Bissau estará integrada no pote 3 juntamente com as seleções de Angola, Moçambique, Mauritânia, Níger, Zimbabwe, Namíbia, Sudão, Líbia, Malawi, Gâmbia, Togo e Comores.

Os “Djurtus” vão cruzar caminhos de seleções de outros potes, nomeadamente o campeão africano Senegal, Marrocos, Nigéria, Egipto, Tunísia, Camarões, Argélia, Mali, Costa do Marfim, Burkina Faso, Gana ou RD Congo, todos no Pote 1. África do Sul, Guiné Equatorial, Cabo Verde, Benin, Uganda, Gabão, Zambia, Congo, Guiné-Conacri, Madagáscar, Quénia e Serra Leoa, no Pote 2.

Tanzânia, República Centro Africana, Sudão, Ruanda, Burundi, Etiópia, ESwatini, Lesotho, Botswana, Libéria, Sudão do Sul e São Tomé e Príncipe, agrupados no pote 4.

A 1ª e 2ª jornadas estão agendadas entre 1 e 14 de junho próximo, enquanto a 3ª e 4ª jornadas serão a 19 a 27 de setembro. A campanha encerra com os desafios da 5ª e 6ª rondas, entre 20 a 28 de março de 2023.

A fase final disputa-se de 23 de junho a 23 de julho de 2023, na Costa de Marfim com a participação de 24 seleções.

Refira-se que os Djurtus realizaram no mês passado dois jogos amistosos, com as congéneres de Angola e da Guiné Equatorial. A seleção nacional venceu Guiné Equatorial e perdeu com Angola.

O desafio em data da FIFA serviu para vários jogadores vestirem pela primeira vez a camisola da seleção da Guiné-Bissau. Tratam-se de Tito Júnor, Janio Bikel, Adon Gomis, Mamadi Camará, Sana Gomes, Dalcio Gomes, Zinho Gano e Madi Queta.

//RTB- democrata

Por: Tidjane Cande

Artigos relacionados

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes NABIAM foi reeleito este domingo, como novo presidente da Assembleia do Povo Unido — Partido Democrático da Guiné-Bissau (APU-PDGB), com 944 votos que correspondem a 95 por cento, para mais um mandato de quatro anos.O segundo mais votado, Agostinho Sanhá,...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.