1 de junho: “ É preciso senergias para combate a violência contra as crianças “. Governador de Quinara
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Tidjane Cande

Junho 2, 2022

Junho 2, 2022

O Governador da Região de Quinara defendeu um trabalho conjunto entre as entidades nacionais para o combate a violência de Direitos das Crianças na Guiné-Bissau.

Sidónio Bana falava esta quarta-feira (1.06) no ato central de celebração de 1 de junho, dia Mundial das Crianças, que teve lugar em Buba, região de Quinara, sul do país.

“ Apesar dos esforços no cumprimento dos acordos internacionais a favor dos menores, continua a registar violações dos Diretos das Crianças no país. Sendo assim, para combater o flagelo é necessário senergias entre as instituições nacionais e continuar a trabalhar para implementação cabal dos acordos e protocolos assinados”. Desafiou.

As violações dos Direitos das Crianças persistem na região de Quinara, afirmou o governador.

“ Na região de Quinara, persistem as violações de direitos humanos, em particular dos menores. Trabalho infantil, crenças que andam muitos quilómetros para vender carvão, distância para acesso as instituições escolares, estabelecimentos hospitalares, a mortalidade infantil e materna são problemas que continuam a verificar na nossa região. Daí que todos, não apenas a Ministra da Família temos que lutar para estancar esse mal comum”. Descreveu.

Ato central de celebração de junho foi realizado em Buba e foi presidida pela Presidente da Instituto da Mulher e Criança em representação da Ministra da Família.

//RTB

Por: Mamandin Indjai

Artigos relacionados

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes Nabiam reeleito como novo presidente de APU-PDGB

Nuno Gomes NABIAM foi reeleito este domingo, como novo presidente da Assembleia do Povo Unido — Partido Democrático da Guiné-Bissau (APU-PDGB), com 944 votos que correspondem a 95 por cento, para mais um mandato de quatro anos.O segundo mais votado, Agostinho Sanhá,...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.