“Portugal evita condenar a repressão na Guiné-Bissau por razões geoestratégicas” – Aristides Gomes
© Radio TV BantabaAll Rights Reserved

Por: Redação

Fevereiro 18, 2023

Fevereiro 18, 2023

Portugal evita condenar a repressão na Guiné-Bissau por razões geoestratégicas, de acordo com Aristides Gomes, ex-primeiro-ministro guineense.

Gomes afirma que Portugal não pode desempenhar um papel de defensor dos direitos humanos na Guiné-Bissau devido à necessidade de manter sua própria influência no mundo.

Gomes acredita que a postura ideal de Portugal seria baseada nos princípios humanistas e na defesa dos direitos humanos, mas Portugal está inserido em um sistema internacional em que os países buscam ter influência. Por isso, Portugal acabou reconhecendo Umaro Sissoco Embaló como presidente guineense, apesar do contencioso eleitoral apresentado pelo líder do PAIGC, Domingos Simões Pereira.

Gomes afirma que, infelizmente, Portugal, como muitos outros países, é levado a estudar sua intervenção para ver se, defendendo princípios humanitários e morais, essas posições não comprometem a necessidade realista de ter influência.

Ele observa que essa posição é comum a muitos países e cita o exemplo da França. Inicialmente, a França se recusou a reconhecer Sissoco Embaló como presidente, mas a estratégia mudou, e o presidente francês Emmanuel Macron visitou o país no ano passado. Isso se deve à geoestratégia da França, que tenta obter apoio de vários países africanos em face da crescente influência da Rússia e da China.

Gomes afirma que não há uma comunidade internacional, mas várias, porque existem interesses de vários blocos e países.

Ainda o ex-primeiro ministro argumenta que a classe política guineense deve criar condições para o diálogo interno e encontrar soluções consensuais para os problemas nacionais, sem estar subordinada aos interesses dos que lutam entre si pela influência na sub-região.

RTB/Lusa

Artigos relacionados

JOVENS DA GUINÉ -BISSAU QUE DESAPARECERAM DE ESTÁGIO JÁ APARECERAM Os rapazes estavam em Portugal por conta da participação no Torneio Luso Cup e...

0Comentarios

0 Comments

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE