ONU preocupado com situação política na Guiné-Bissau

O Conselho de Segurança das Nações Unidas anunciou ontem, em comunicado que vai reúnir-se na próxima segunda- feira, 11, para analisar atual situação socio-política na Guiné-Bissau.

No documento, a organização revelou que o encontro terá como pano de fundo analisar um relatório do gabinete da ONU para a África Ocidental e Sahel (UNOWAS) que manifestou a preocupação pela situação dos direitos humanos e a tensão politica naquele país africano.

Segundo a Voz de América, a UNOWAS destacou a insegurança e as violações dos direitos humanos contra adversários políticos, com relatos de detenções arbitrárias e intimidação, detenção ilegal.

A liberdade de imprensa também foi uma das chamadas de atenção na nota daquela instituição.

No relatório, a organização pediu à CEDEAO que tome providências, em colaboração com às instituições nacionais interessadas, para garantir a estabilidade política e o funcionamento eficaz das instituições.

Por outro lado, num outro documento enviado também a instituição dirigida pelo português António Guterres, referiu que o Comité de Sanções mantém o regime de sanções a militares.

VJ

Share via
Copy link
Powered by Social Snap