Governo renova estado de calamidade

Governo renova estado de calamidade

Governo levanta Recolher Obrigatório e renova Estado de Calamidade por 15 dias. Decide também alargar o período do funcionamento dos mercados (05h as 18h), mas proibe a realização de eventos sociais, culturais, políticos e cultos. O uso de máscara continua sendo obrigatório, lê-se no decreto tornado público. A Guiné-Bissau confrontada com a circulação concomitantemente do virus Sars-Cov19, variantes_ DELTA E ETA já registou 124 óbitos no universo de 6 mil casos de coronavírus.

Redação