Liga das Nações – A seleção portuguesa de futebol vence  Croácia por 4-1

Portugal arranca defesa do título com vitória 'sem espinhas'
Só à ‘bomba’ para derrubar tamanha ‘muralha’

DESPORTOLIGA DAS NAÇÕES

João Cancelo, Diogo Jota, João Félix assinaram os golos que deixam Portugal na liderança do Grupo 3 da Liga A, com os mesmos três pontos de França, que, à mesma hora, derrotou a Suécia, por 1-0.

Sem nunca deslumbrar, e mesmo que, por vezes, em ritmo de treino, Portugal instalou-se desde bem cedo no meio-campo da Croácia, e, com raras exceções, de lá não saiu durante o primeiro tempo.

Sem Cristiano Ronaldo, Fernando Santos apostou numa frente de ataque mais móvel, constituída por Diogo Jota, João Félix e Bernardo Silva, que, progressivamente, foi conseguindo desmontar um adversário relativamente inofensivo.

Com o desenrolar do jogo, foram-se multiplicando as oportunidades, mas, ora um Dominik Livakovic, que parecia empenhado em defender tudo o que lhe aparecia pela frente, ora dois postes ‘amaldiçoados’, iam mantendo o nulo.

João Félix, Raphael Guerreiro, Diogo Jota e Pepe tinham motivos de queixa de sobra, assim como João Cancelo, que viu o guardião adversário defender uma trivela logo aos 19 minutos, logo na primeira real ocasião de golo.

No entanto, o lateral recusou baixar os braços e, à beira do intervalo, conseguiu, por fim, colocar o marcador a funcionar, graças a uma autêntica ‘bomba’, que, apesar de ter sido ligeiramente desviada por Livakovic, encontrou mesmo o caminho do golo.

Superioridade, por fim, materializada

A Croácia regressou dos balneários mais agressiva e, aparentemente, empenhada em, por fim, criar problemas à seleção portuguesa. No entanto, ao contrário do que sucedeu na primeira parte, os homens da casa marcaram na primeira oportunidade de que dispuseram.

Aos 58 minutos, Raphael Guerreiro, com um belo passe picado, lançou Diogo Jota, que recebeu de peito, ‘bailou’ na grande área e atirou para o 2-0. Apenas 12 minutos depois, foi a vez de João Félix deixar a sua marca, num lance em que Livakovic não fica nada bem na fotografia.

Até final, ainda houve tempo para Petkovic reduzir para os croatas e para André Silva marcar para Portugal. Quanto à vitória estava mais do que garantida, e deixa os campeões em título embalados para a visita à Suécia, já na próxima terça-feira.

Fonte: Notícias ao minuto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap