A Organização Mundial de Saúde (OMS) pediu hoje a África para se preparar já para o pior para enfrentar a ameaça do coronvírus no continente, que soma quase 600 casos em 33 países.

“Em outros países vimos como o vírus acelerou a partir de um certo limiar. O melhor conselho para África é que deve preparar-se para o pior desde já”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, durante uma conferência de imprensa virtual.

O diretor-geral da OMS, que é natural da Etiópia, apontou que só na África Subsaariana foram registados pelas autoridades 233 casos, alertando que muitos outros terão certamente sido detetados e sinalizados.

 

Braima Darame